Maratona de magia passa pelo Concelho de Soure

. quinta-feira, 9 de agosto de 2007
  • Agregar a Technorati
  • Agregar a Del.icio.us
  • Agregar a DiggIt!
  • Agregar a Yahoo!
  • Agregar a Google
  • Agregar a Meneame
  • Agregar a Furl
  • Agregar a Reddit
  • Agregar a Magnolia
  • Agregar a Blinklist
  • Agregar a Blogmarks



Uma maratona de espectáculos de magia vai ter lugar em Setembro nos municípios da serra de Sicó, com eventos em mais de 60 locais como monumentos, adros de igrejas ou aldeias.
.
A primeira edição das Jornadas Mágicas de Sicó é organizada pelo mágico Luís de Matos e conta com o apoio da Associação de Desenvolvimento Terras de Sicó, que inclui os concelhos de Alvaiázere, Ansião, Condeixa-a-Nova, Penela, Pombal e Soure.
.
Esta parceria entre a empresa de Luís de Matos e os municípios visou "desenhar um evento na área do entretenimento que una a região", como explicou o próprio mágico.
.
Nesse sentido, entre 07 e 09 de Setembro, serão feitos 85 espectáculos em simultâneo nos seis concelhos e em 65 localidades distintas.
.
"É uma simultaneidade, é real, mas também simboliza a união da região", explicou Luís de Matos, salientando que cada autarquia escolheu "os locais mais indicados não apenas para receber os espectáculos mas também aquilo que pode ser o seu melhor postal ilustrado".
.
O evento está a ser organizado em articulação com o Festival de Magia de Zamora, que decorre há 14 anos, através da Fundação Rei Afonso Henriques, uma instituição de direito privado que luta pela "superação das fronteiras mais formais" entre os dois países, promovendo acções de parceria transfronteiriça.
.
Assim, os convidados internacionais serão os mesmos dos dois eventos que incluem artistas norte-americanos, ingleses e franceses além de espanhóis e portugueses.
.
Em Portugal, trata-se do "primeiro festival de magia de rua" que irá decorrer nos centros de vilas e aldeias ou nos adros das igrejas, onde os artistas convidados aproveitam os cenários naturais para os seus espectáculos de magia.
.
São "pessoas experientes e com carreira feita com espectáculos de rua que se adaptam aos locais escolhidos" pelas autarquias explicou Luís de Matos.
.
Por seu turno, o presidente da Câmara de Ansião, Fernando Marques, que hoje acolheu a conferência de imprensa de apresentação do festival, considerou a realização deste tipo de eventos uma "oportunidade importante" para a promoção da região.
.
"Aproveitamos para promover a magia e oferecer aos nossos munícipes uma coisa diferente", afirmou o autarca, apontando também a ligação do mágico a Ansião (de onde é natural) como uma das justificações para a realização do festival.
.
"Temos a obrigação de promover os nossos artistas e com eles aproveitar para dar visibilidade à região", acrescentou.
.
O primeiro festival internacional de magia da Sicó apresenta um orçamento a rondar os 80 mil euros, sendo financiado pelos seis municípios e pelo programa Leader. Conta, ainda, com o apoio da Delegação Regional da Cultura do Centro e da Região de Turismo do Centro.