Jornal PRETO NO BRANCO, saiba mais!

. quarta-feira, 19 de setembro de 2007
  • Agregar a Technorati
  • Agregar a Del.icio.us
  • Agregar a DiggIt!
  • Agregar a Yahoo!
  • Agregar a Google
  • Agregar a Meneame
  • Agregar a Furl
  • Agregar a Reddit
  • Agregar a Magnolia
  • Agregar a Blinklist
  • Agregar a Blogmarks

(Clique na imagem para aumentar)
.
.
Saiba mais sobre o jornal em:


O Jornal “Preto no Branco” foi criado em meados de Novembro do ano de 2004 por três amigos, sendo que a primeira edição foi publicada a oito de Janeiro de 2005.

Gil Alves, Carlos Santos e Filipe Rebelo foram os mentores deste projecto, que tem estado em constante crescimento, nomeadamente no concelho de Soure. Entretanto, uma conjugação de diversos factores levou a que Carlos Santos e Filipe Rebelo abandonassem as suas actividades no “Preto no Branco”, entrando depois, em Junho de 2005, Carlos Cacho, que se manteve em actividade no jornal até Outubro do mesmo ano.

Após o abandono deste último, entrou no mês seguinte Rui Pedro Seixas, antigo colega de trabalho no jornal “Diário as Beiras” do actual director do “Preto no Branco”, Gil Alves, que ocupa este cargo desde Junho de 2005.
De referir que, Sousa Pereira, presidente do Grupo Musical Gesteirense (GMG), é o actual subdirector deste jornal, mantendo-se Pedro Seixas como correspondente do “Preto no Branco” em Coimbra.
Esta publicação mensal, destinada a sócios / assinantes, inicialmente apenas tinha distribuição no concelho de Soure. Mais tarde, a partir de Novembro de 2005, passou também a abranger os concelhos de Montemor-o-Velho, Condeixa-a-Nova e Coimbra.

A nível de conteúdo, a grande preocupação deste jornal tem-se pautado pela isenção na abordagem de diversos temas. Para além da divulgação de vários problemas sociais existentes na zona, bem como das diversas colectividades, instituições e entidades locais, o “Preto no Branco” inclui também nas suas edições entrevistas a figuras públicas que simpaticamente aceitam falar connosco, tais como, Sofia Alves, José Carlos Malato, Zé Pedro (Xutos & Pontapés), José Pedro Gomes, David Fonseca, Pedro Tochas, Nuno Rafael Mota (Humanos), João Ruas (Yellow W Van), Pimpinha Jardim, Luciana Abreu, Rui Unas, Manuel Luís Goucha, Francisco Moita Flores, Herman José, André Gago, Rui Reininho, entre outros.

Refira-se que este jornal é propriedade do GMG, estando sedeado na freguesia de Gesteira, no concelho de Soure. O “Preto no Branco”, destina-se apenas a sócios / assinantes, estando por isso, de acordo com a lei em vigor, isento de registo no Instituto da Comunicação Social ao abrigo do Dec. Regulamentar 8-99 de 9 do 6 Art.12º Nº 1 A., ou seja, trata-se de uma publicação periódica mensal que não pode ser vendida nas bancas. Assim, por apenas 10 € / Ano poderá receber comodamente em sua casa um jornal independente, plural e equilibrado, que promove, mensalmente, a livre expressão de ideias, o rigor informativo e a distinção clara entre a informação e a opinião. Para tal, basta enviar um e-mail para preto.no.branco@clix.pt ou ligar 239 507 334 / 960 248 984