Safra de qualidade na Vinha da Rainha

. quinta-feira, 22 de maio de 2008
  • Agregar a Technorati
  • Agregar a Del.icio.us
  • Agregar a DiggIt!
  • Agregar a Yahoo!
  • Agregar a Google
  • Agregar a Meneame
  • Agregar a Furl
  • Agregar a Reddit
  • Agregar a Magnolia
  • Agregar a Blinklist
  • Agregar a Blogmarks


O trajecto do futebol é curto, mas assente em algo fundamental: o amor à camisola. Vinha da Rainha gira em torno da sua equipa de futebol que faz questão de não os defraudar.

Situada no concelho de Soure, a freguesia de Vinha da Rainha fica já paredes meias com o distrito de Leiria. O futebol surgiu mais a sério na Associação Cultural Desportiva e de Solidariedade em 1985. Primeiro foram as provas do Inatel e depois a integração nos quadros competitivos da Associação de Futebol de Coimbra.

Na 1.ª Divisão Distrital, a Vinha da Rainha sempre foi um conjunto respeitado, principalmente nos jogos caseiros. Ainda assim, apenas em 2006/2007 é que a equipa se apresentou com argumentos para lutar pelos lugares cimeiros.

A integrar a Série B do segundo patamar distrital, a turma de Nuno Carvalho liderou ao longo de grande parte do campeonato, acabando, no entanto, por ser superada pelo Águias, que venceu a série com mais… um ponto.

O desempenho da Vinha da Rainha foi notável, com 18 vitórias, seis empates e duas derrotas que perfizeram os 60 pontos. No capítulo dos golos, a formação do concelho sourense teve o melhor ataque (59 tentos) e a defesa menos batida (16). No alinhamento final da 1.ª Divisão Distrital, a formação de Nuno Carvalho conquistou o terceiro lugar frente ao Góis.

O ano de estreia na Divisão de Honra correu de feição, com o conjunto a ficar na sétima posição com os mesmos pontos do, à partida candidato ao título, Penelense. Curioso ainda é verificar que das quatro equipas que subiram na última época, apenas a Vinha da Rainha conseguiu assegurar a permanência entre os grandes e logo com uma prestação bem convincente.