Sourense avança na Taça

. quarta-feira, 3 de setembro de 2008
  • Agregar a Technorati
  • Agregar a Del.icio.us
  • Agregar a DiggIt!
  • Agregar a Yahoo!
  • Agregar a Google
  • Agregar a Meneame
  • Agregar a Furl
  • Agregar a Reddit
  • Agregar a Magnolia
  • Agregar a Blinklist
  • Agregar a Blogmarks



O Sourense bateu o recém-despromovido Avanca por 2-0, conseguindo o apuramento para a 2ª eliminatória da Taça de Portugal.

A confirmar a boa imagem que tinha dado na deslocação ao terreno do Vigor foi o Sourense que entrou mais forte muito por culpa da irreverência de Telmo Gonçalves e Zé Pedro que servidos por Canita mostraram-se endiabrados.

A primeira oportunidade nasce numa fantástica jogada de J.P. que isola Canita que, pela esquerda, dispara forte mas ao lado. O Avanca tentou reagir mas não conseguia, sequer, incomodar Nélson Mendes.

Depois de alguns lances de aviso o Sourense inaugura o marcador por intermédio de Pedro Gonçalves. O livre é batido na direita por Canita e depois de ligeiro desvio de Sylvan, Pedro Gonçalves empurra de cabeça para o fundo das redes fazendo explodir mesmo aqueles que não acreditavam na equipa.

Perto do intervalo ambas as equipas tiveram oportunidades claras de golo. Primeiro o Avanca que aproveita uma desatenção da defensiva Sourense e escorregadela de Nélson Mendes para, com a baliza escancarada, rematar ligeiramente ao lado. Na resposta Sylvan cabeceia frouxo ao lado desperdiçando a "prenda" oferecida pela saída em falso do guarda-redes visitante.

Para a segunda parte o Sourense veio com a mesma equipa ao contrário do Avanca que procedeu a uma alteração que não mudou em nada o jogo. A abrir Sylvan remata forte com a bola a rasar o poste, dois minutos volvidos é Telmo Gonçalves que investe pela esquerda e remata às malhas laterais.

Com o Sourense a tentar segurar a vantagem o Avanca foi subindo e deixando espaço para os contra-ataques da equipa de Soure. Num desses contra-ataques o Sourense ganha canto e na conversão chega ao 2-0 por intermédio de Marco Rosa depois de alguma confusão com Chano e Pedro Gonçalves a tentarem mas a não conseguirem o remate certeiro a bola acabou por parar numa zona onde se encontravam três jogadores do Sourense sendo Marco Rosa o mais rápido a finalizar.

Jogo praticamente decidido que podia ter sido relançado logo de seguida quando Nélson sai a punhos e deixa a baliza escancarada para o remate de um avançado do Avanca, no entanto a rapidez e organização da equipa Sourense evitaram o golo com Marco Paiva a cortar o remate já dentro da pequena área.

Até ao final algumas oportunidades para o Sourense ampliar a vantagem com pouca resposta do Avanca. Arbitragem regular que no entanto podia ter exibido o cartão amarelo mais duas ou três vezes devido a algumas entradas mais duras.

In www.fn06.blogspot.com