Colisão entre pesado e ligeiro matou técnico do INEM

. quarta-feira, 5 de novembro de 2008
  • Agregar a Technorati
  • Agregar a Del.icio.us
  • Agregar a DiggIt!
  • Agregar a Yahoo!
  • Agregar a Google
  • Agregar a Meneame
  • Agregar a Furl
  • Agregar a Reddit
  • Agregar a Magnolia
  • Agregar a Blinklist
  • Agregar a Blogmarks

Um morto e um ferido em estado considerado grave é o balanço de um acidente de viação, ocorrido ontem, no IC2, entre Condeixa e Pombal, ao quilómetro 164, na zona de Venda Nova, no concelho de Soure. A vítima mortal é um técnico de ambulância de emergência do INEM.
.
O acidente, que ocorreu às 15h05, envolveu um veículo ligeiro de mercadorias, que circulava no sentido Norte – Sul, e um pesado de mercadorias, que também seguia no mesmo sentido. Por razões que se desconhecem, mas às quais não será alheio o mau tempo que se fazia sentir na altura e o piso escorregadio, eventualmente na sequência de alguma travagem, o pesado fez “efeito de tesoura”, ou seja, a cabine deslocou-se, enquanto a galera se manteve direita. Um “manobra” que “apanhou” a viatura ligeira.
.
O condutor do ligeiro, um indivíduo do sexo masculino, de 38 anos, técnico de ambulância de emergência do INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica), que se presume ser da zona de Pombal, ficou encarcerado e sofreu morte praticamente imediata, uma vez que quando os bombeiros chegaram já não apresentava sinais vitais. O óbito foi confirmado no local do acidente pelas autoridades e o corpo foi transportado para o Instituto de Medicina Legal da Figueira da Foz, onde deverá ser autopsiado.
.
Fonte do INEM confirmou ontem ao Diário de Coimbra a morte do seu técnico. «Perdemos um profissional que nos será para sempre muito querido», disse, adiantando que hoje seriam disponibilizadas mais informações sobre a vítima.
.
Por seu turno o condutor do pesado de mercadorias, um indivíduo na casa dos 60 anos, residente na zona de Ansião, ficou politraumatizado, sendo o seu estado considerado grave. Depois de ter sido assistido no local, foi transportado, numa ambulância dos Bombeiros Voluntários de Soure, para o Centro Hospitalar de Coimbra (Hospital dos Covões).
.
Os Bombeiros Voluntários de Soure deslocaram para o local do acidente duas ambulâncias, uma viatura de desencarceramento e dois veículos de comando e um total de 12 homens. A Brigada de Trânsito tomou conta da ocorrência.
.
In Diário de Coimbra